quinta-feira, 16 de novembro de 2017

Dislexia: assista ao novo videoclipe “Atacante”

DISLEXIA apresenta ao público sua nova música, “Atacante”, que estará presente em seu novo álbum, e nada melhor que divulgar a mesma através de um novo videoclipe, onde traz a banda ainda mais potente e diversificada, já que os belenenses investem em uma proposta um tanto inusitada, a mistura do Hardcore com Reggae.

Atacante” foi filmada no Fábrika Studio em Belém e mostra a banda em ação com imagens onde aparece interações de redes sociais, retratando bem o que a letra de “Atacante” apresenta.

Não perca tempo e assista agora mesmo:




Links Relacionados:

Fontewww.heavyandhellpress.com.br

Morcrof: relançada sua primeira demo “A Future Not So Far”

A veterana banda de Dark Metal Morcrof acaba de relançar seu primeiro registo, que dará inicio a uma série de relançamentos de toda sua discografia. Trata-se da reh “A Future Not So Far”, originalmente lançada em 1994 no formato de cassete e, agora, disponível em cardboard sleeve, encarte mídia pro.

A reedição foi planejada nos mínimos detalhes mantendo o logotipo, foto e capas em contexto vintage e, ainda, apresentando duas faixas bônus: “Ambicionato” e “The Morcrof (Souls To Capture)”.​


Tracklist: 
1. A Future Not So Far 
2. Concentration Camp (Yourself)   
3. Image Of Torture   
4. Chermical War   
5. Rotten Food   
6. Skin 00:44  
7. Hemorrhage To The War   
8. Name to the Kings   
9. Its Explanation Is Your God   
10. Lastimation (instrumental)
11. Ambicionato [bonus track]  
12. The Morcrof (Souls To Capture) [bonus track]

O material é uma ode do início dos anos 90, quando a banda se influenciava nas principais bandas de Death Metal da época, entoando uma sonoridade primitiva, ríspida e brutal.

No período, a formação era composta por Ludwick Schölzel (vocal), R'Bressan (guitarra), Caecus Magice (guitarra) Paullus Moura (contra baixo / b.vocal) e Feralis (bateria).

Ouça a demo “A Future Not So Far” na íntegra:

Quem tiver interesse em adquirir o material físico, basta entrar em contato por meio do Facebook da banda;  distribuidoras interessadas em trocas contatem a Erinnys Productions - www.facebook.com/erinnysprod/.

Em outras notícias a Morcrof em parceria com a web rádio cearense Cangaço Rádio Rock estão promovendo o sorteio de cinco artefatos da discografia da mesma, para participar basta seguir as regras do sorteio. Acesse o link a seguir: http://bit.ly/2AmRNxj


Links relacionados:


Fonte: Cangaço Rock Comunicações

Moshpit Madness!!! - Ribeira (Natal/RN)


Tomarock Festival 2ª Temporada - Teresina/PI


Peixes Voadores: "Ovelha Negra" é o novo videoclipe da banda gaúcha

Mesmo com um novo EP em divulgação, o Peixes Voadores parece não parar, agora em continuidade a divulgação do disco "Lavagem Cerebral" de 2016, o grupo lança o videoclipe de "Ovelha Negra". De inicio o videoclipe mostra logos de apoiadores, sendo um deles, a logo do Portal O SubSolo um verdadeiro reconhecimento para uma parceria realizada com sucesso.


"A ovelha negra ainda não morreu / Ela é foragida mas não se escondeu / O pastor reclama que ela se perdeu / Mas ela só quer ter um caminho seu.." É o trecho mais envolvente da música. O álbum Lavagem Cerebral foi eleito pela equipe d'O SubSolo como um dos melhores do gênero em 2016, sendo que a pouco tempo atrás também recebemos o videoclipe de "O Rock and Roll Me Salvou". A faixa "Ovelha Negra" apostou em uma lado mais Stoner perto do restante do disco, talvez na época era uma mensagem ao vindouro EP "Rei de Terno" que com duas músicas em formato de videoclipe, se torna o trabalho "mais agressivo" dos gaúchos do Peixes Voadores.

Assista e aprecie o videoclipe de "Ovelha Negra":




Fonte; MK Assessoria

KandoveR: presente no festival Tomarock 2ª Temporada

No dia 25 de Novembro o KandoveR irá participar do festival Tomarock 2ª Temporada, junto das bandas: Mano Crispin e V-Road. O evento que é organizado pela alTHERnativa Produções Artistica, acontecerá na casa de shows Tomato.

Para conseguir o seu ingresso, os mesmos estarão sendo vendidos no local do evento ou com as bandas desde já com o valor de R$10,00 reais, lembrando que na portaria no dia do evento o mesmo estará R$15,00. O festival que é separado em duas partes, onde três bandas se apresentam no dia 25 de Novembro e outras três no dia 02 de Dezembro.

A idealização vem com o intuito de fortalecer o cenário autoral da cidade de Teresina e para falar a verdade, de todo o estado do Piauí. As seis bandas escolhidas, que tem as três acima (no topo) citadas e mais as que se apresentarão no dia 02 de Dezembro que são as: Aloha Haole, Rocksim e Garoto Andróide, só somam com as outras bandas para juntos poderem potencializar todo o cenário artístico autoral voltado ao Rock e suas vertentes do estado piauiense. 

Para mais informações, siga a página do evento no facebook:

Sobre o KandoveR você poderá estar conhecendo e seguindo os passos da banda que tem como objetivo lançar o EP "O Povo" ainda nesse ano, pelos links a seguir:

Links relacionados:

Fonte: O Subsolo

Kike Oliveira: trajetória como artista solo começou por acaso

Um músico acima de tudo humilde que com muita luta chega aonde está, pretendendo sempre dar voos maiores. Kike Oliveira tocou com algumas bandas durante sua adolescência, sempre ligado  na música e compondo suas músicas em casa que engavetadas durante anos, foram retiradas para trazer ao publico belas canções para se ouvir. 

Durante sua faculdade, foi onde o músico começou seus primeiros passos como artista solo, sempre muito participativo das festas e da reunião dos colegas. O jovem músico residiu na cidade serrana catarinense de Lages, cidade conhecida por grandes faculdades e festas universitárias, dando sempre chances a artistas que cursavam e Kike Oliveira como qualquer outro aluno que queria participar das festas, começou a tocar em algumas, vindo a fazer seu nome aos poucos.

Retornando a sua cidade natal após a faculdade, o jovem músico começou a tocar em bares e pubs da região, até que decidiu gravar seu primeiro álbum com músicas surreais que beiram a perfeição. O Pop Rock foi escolhido pela comercialização e maior facilidade de inserção no cenário musical, atendendo um numero de pessoas maior do que outras possibilidades. Seu primeiro disco tem pitadas do Rock oitentista, com protestos, pensamentos, poesias e tudo o que rolou na cabeça do compositor durante anos. Por se tratar de um multi-instrumentista, Kike gravou a bateria de suas músicas do álbum, que teve participação de vários artistas na fase de composição, mas em destaque para o grande produtor José Chapolim, conhecido por ser o responsável de gravações de outras bandas, com a mais famosa; Diemordinate de Laguna/SC com o seu EP Fight for Freedom. 

Com o projeto de futuramente lançar um novo disco, Kike Oliveira segue divulgando seu atual disco, mas compondo e visando lançar novas músicas em breve, um artista que carrega em suas veias a facilidade de composição, só nos da a certeza que podemos esperar por boas composições e novas músicas marcantes conforme o disco autointitulado. 

Você pode ouvir o disco autointitulado de Kike Oliveira diretamente da playlist oficial do canal do YouTube do artista, confira:


Links relacionados;

Fonte: O Subsolo

Dust Commando: “Já temos oito demos do nosso próximo álbum”

Incansáveis. Assim podemos definir a DUST COMMADO, que já estão pensando em seu novo lançamento. Enquanto seguem os shows de divulgação do EP “Between Chaos And Grace” e as negociações para o lançamento físico do mesmo (que chegarás ao mercado em breve), a banda não para de compor e já apresentam oito demos para o próximo lançamento, que deve chegar aos nossos ouvidos até o segundo semestre de 2018.

Uma fonte criativa que parece inesgotável, e com uma formação solida e determinada a compor e entregar o seu melhor a todo instante.

Thiago Rabuske (vocal/guitarra) ressalta o salto de qualidade que a DUST COMMANDO deu com a entrada do baixista Gabriel Garcia, e o quanto têm sido produtivo essa química entre os músicos enquanto compõem:

Nos dois primeiros discos eu gravei os baixos, e apesar deles terem ficado bons, eram somente um acompanhamento necessário ao som. Com a entrada do Gabriel Garcia, tivemos um salto de qualidade absurdo na cozinha, que agora é mais pesada e mais grooveada. Ele faz parte de uma baita banda instrumental chamada Feijão de Corda, com o Yuri Porto, que é um monstro da bateria daqui de Taquari, e o Thiago Nascimento, que é um dos grandes guitarristas da nossa cidade. Ele trouxe toda a técnica e capacidade de compor linhas de baixo únicas pra Dust Commando, o que acabou fazendo nossos sons novos terem uma cara ainda mais própria. Já temos oito demos do nosso próximo álbum e elas todas soam mais pesadas e mais melodiosas ao mesmo tempo do que nos dois trabalhos anteriores.

Não perca tempo e ouça uma prévia do vindouro lançamento da DUST COMMANDO:



Links Relacionados:

Fontewww.heavyandhellpress.com.br

Morcrof: banda concede entrevista ao site Rumors Mag

Paullus Moura, baixista da banda Morcrof concedeu uma entrevista exclusiva ao renomado site “Rumors Mag”. Durante o bate papo, Paullus fala sobre as influências da banda, inspirações, dificuldades, lançamentos e muito mais. Confira a entrevista completa:

Lembrando que quem tiver interesse em adquirir o material físico, basta entrar em contato com a banda por meio do Facebook da banda;  distribuidoras interessadas em trocas contatem a Erinnys Productions - www.facebook.com/erinnysprod/. 


Links relacionados:


Fonte: Cangaço Rock Comunicações

terça-feira, 31 de outubro de 2017

Com patrocínio do Wacken Foundation, Uganga inicia gravações de novo álbum, "Servus"

Em mais de 20 anos de carreira, o Uganga lançou cinco álbuns – alguns licenciados no exterior –, fez duas turnês pela Europa, centenas de shows por quase todas as regiões do Brasil e mais recentemente lançou seu primeiro DVD. Boa parte dessas produções do Uganga, sejam projetos de gravação ou circulação (turnês), têm recebido incentivo através de políticas públicas de cultura, comprovando a relevância do trabalho da banda, seja em seu sentido artístico/subjetivo ou social.

E o dia 26 de Outubro marca o início das gravações do novo álbum do grupo, intitulado “Servus”, que será mais uma vez patrocinado por um programa de incentivo à cultura, dessa vez um internacional, o Wacken Foundation.

O Wacken Foundation é uma organização alemã sem fins lucrativos criada para apoiar projetos de hard rock e heavy metal de todas as partes do mundo. A organização foi idealizada em 2008 pelos produtores do Wacken Open Air (W:O:A), o maior festival de hard rock e heavy metal do planeta, e tem a missão de manter ativa a produção criativa nesse segmento e estimular novas bandas e projetos. Desde 2010 o Wacken Foundation passou a fazer contribuições em Euros para projetos de gravações de discos, turnês e até mesmo festivais. Os projetos podem ser enviados durante todo o ano e uma comissão de curadores avaliam os mais relevantes que virão a receber o apoio. A vocalista alemã Doro Pesch figura entre a equipe de curadores. Entre os doadores estão nomes como o de Alice Cooper que fez recentemente uma doação de US$ 10 mil à fundação.

O Uganga apresentou um projeto de gravação de “Servus” ao Wacken Foundation no começo desse ano e foi contemplado com uma soma em Euros que vai ajudar a financiar a produção. 
“A parceria com o Wacken Foundation foi mais uma vitória da banda e equipe à custa de muito suor, estrada, planejamento e amor à camisa” – declarou o vocalista Manu Joker.


“Servus” será o quinto disco de estúdio do Uganga e será gravado no estúdio Rock Lab em Goiânia onde a banda registrou seu disco anterior, o aclamado “Opressor”. A produção será assinada por Gustavo Vazquez e pelo próprio Manu Joker.

"Os nomes dos álbuns do Uganga sempre aparecem logo no início do processo, algumas vezes antes mesmo de qualquer música ou arranjo. A parada vem de uma vez, tipo psicografada, e com o Servus não foi diferente”, explica Joker sobre o título do novo trabalho. “O conceito tem a ver com duas coisas distintas: escravidão e respeito. Servus em latim quer dizer "escravo" e é uma representação das referências históricas que vêm nos inspirando neste trabalho, entre elas a ascensão e queda do império romano. A questão do respeito tem a ver com servir. Não no sentido serviçal, adulador, mas sim servir ao próximo como um semelhante sem esperar nada em troca. Acredito que somos parte de um todo muito maior e que precisamos trabalhar juntos pela sua continuidade."

Coletânea O SubSolo: absorvendo todas as críticas e transformando em combustível, O SubSolo anuncia o terceiro volume de suas coletâneas



Bull Control: a agenda encorpada é reflexo de um trabalho honesto e focado

Ainda em divulgação do EP "Mundo Paralelo" lançado em Maio deste ano e do videoclipe de mesmo nome lançado a menos de um mês, o Bull Control continua focado em levar sua música para o maior número de pessoas possível, sendo que a agenda do grupo é um reflexo de um trabalho honesto e focado. Mesmo sendo uma banda nova por ter sido formada em 2015, se engana quem julga por conta disso, pois essa formação atual do grupo é considerada a mais experiente até o momento, fazendo com que os quatros membros olhem para o mesmo horizonte e mesclem suas ideias de acordo com o futuro da banda.

Um reflexo da aceitação e do ótimo lançamento do "Mundo Paralelo" é as datas que vem aparecendo para o grupo cearense, que cada vez mais vai se consolidando no cenário local e adquirindo um novo publico que acompanha a banda. Sobre essa fase do Bull Control, o vocalista Rodrigo "Digão" comenta:

"Acho que o trabalho desde a conclusão do EP até o videoclipe da música (que dá título a esse trabalho) é fruto de muito esforço e dedicação de todos os envolvidos dentro e fora da banda. Já estamos com uma boa visibilidade do videoclipe e uma aceitação maior por parte de toda a galera. Como a gente mesmo conversa internamente, este videoclipe é o fim do ciclo do EP, que foi lançado a cinco meses atrás e o início de uma nova saga.

O ano de 2017 em si pra banda foi de um todo proveitoso. Participamos do Garage Sounds, Forcaos e outros eventos onde a galera chegou mesmo com vontade em todas as apresentações da gente. Resolvemos fechar o ano tocando em locais que ainda não tínhamos tocado (ficamos devendo ainda a toca Good Garden, ano que vem quem sabe) como as cidades de Limoeiro do Norte , Maracanaú e aqui em Fortaleza no Estúdio Nuclear, após essas apresentações vamos focar em mais novidades para quem nos acompanha."


CONFIRA AS PRÓXIMAS PARADAS DO BULL CONTROL:

FOTO FLYERS EM ANEXO


ASSISTA AO VIDEOCLIPE DE "MUNDO PARALELO"



Links relacionados:
Groove Music: http://migre.me/wzEF6
Play Store: http://migre.me/wzEHj
SoundCloud: http://migre.me/wzEMW

Redes sociais:

Bull Control agradece os apoios:
Gambiarra Homestudio, Estúdio Esconderijo, Pea Muita Produções, Associação Cearense de Rock, Movimento Underground Fortaleza e a todos os amigos que os acompanham nessa jornada.

Fonte: MK Assessoria

segunda-feira, 30 de outubro de 2017

Coletânea Rock Out Of The Box [Volume - I]: baixe a coletânea.


É com imensa honra e satisfação que apresentamos a coletânea Rock Out Of The Box volume 01. O compilado conta com 13 bandas nacionais de diversos estilos entre eles rock n’ roll, hard rock e heavy metal. Após vários dias de planejamento, enfim o material vira realidade, graças ao apoio das bandas que nos ajudaram nesse planejamento. O mesmo está disponível em algumas plataformas digitais, como também para download no nosso site.

Track List:
01. Salário Mínimo - Fatos Reais
02. Metalmorphose - A Cobra Fumou
03. Harppia - Black Joe
04. Arandu Arakuaa - Nhandugûasu
05. PSD (Pesadello) - Todo Mundo Pode
06. Dancing Flame - Warriors Path
07. Pop Javali - Hollow Man
08. Broken Jazz Society - Mongrel Cat
09. Magister - The Endless Path
10. Transcendent - Second Breath
11. Apple Sin - Sea Of Sorrow
12. Atlantis - Lost In Time
13. Guilherme Costa - Come On And Play

Para ouvir, basta visitar os links abaixo:



Acompanhe o Programa Rock Out Of The Box através das redes:

Acompanhe a Cangaço Rádio Rock através das redes:
​Fonte: Cangaço Rádio Rock/Cangaço Rock Comunicações

Após um ano e três meses, banda Morcrof volta aos palcos.

No domingo (15), a lendária banda paulistana de Dark Metal Morcrof, uma das mais antigas e conceituadas bandas de metal extremo nacional, volta aos palcos depois de um ano e três meses. O evento marcou a estreia da nova formação, composta por Eziel Kantele-Väinö, Vocal; Bruno Brahmms Kermanns, teclados; R'Bressan e Cleber Borges, nas guitarras; Paullus Moura, Contrabaixo / B.Vocal; R'Herton na bateria.

O show foi realizado no Manifesto Bar em São Paulo e contou com a participação de grandes nomes do metal nacional: Malefactor (BA) e Final Disaster (SP).

“A Estreia foi muito boa! Estávamos um pouco ansiosos pra subir logo no palco e sentirmos a nova formação em ação depois de alguns meses de trabalho árduo. Nesse período, não conseguimos ensaiar  cinco vezes com a formação completa e por conta disso, houve um empenho e comprometimento de todos para que pudéssemos fazer uma apresentação minimamente aceitável. Na verdade, o convite para tocarmos nos pegou um pouco desprevenidos, pois não tínhamos repertório e nem estávamos completamente seguros em algumas passagens das músicas. Aceitamos participar motivados pelo desafio e, sobretudo, por tocarmos com a Malefactor, irmãos nossos muitos anos. Foi a primeira vez também que tocamos no Manifesto Bar, e o equipamento de lá ajudou muito, deu segurança... ”, comenta Paullus Moura, baixista da banda.

Confira o vídeo ao vivo da faixa "existentia imperfecta es", gravado no Manifesto Bar (SP):





Fonte: Cangaço Rock Comunicações

sábado, 28 de outubro de 2017

Heavenless: assista lyric video de “Soothsayer”

“Soothsayer é uma crítica ao estado fascista e a opressão religiosa a partir do mito de Lúcifer. A letra reflete o seu drama, de quem foi traído e fulminado pelo poder divino, sendo a sua expulsão a plenitude de todos os pecados de Deus. Soothsayer reflete a ditadura celestial, a intransigência religiosa que reflete-se nas atitudes da humanidade”.

As palavras acima são do vocalista/baixista Kalyl Lamarck e deixam clara a natureza crítica das músicas do Heavenless, nesse caso específico através da letra de “Soothsayer”, uma das faixas do álbum de estreia do grupo, “whocantbenamed”, lançado no início desse ano pela Rising Records.

Seu Juvenal: de volta ao Brasil, banda comemora os resultados de sua primeira turnê europeia

Grupo de Ouro Preto fez oito shows em três países diferentes com financiamento do governo do estado de Minas Gerais
  

No ano em que o Seu Juvenal comemora duas décadas de história, Bruno Bastos (vocal), Edson Zacca (guitarra), Alexandre Tito (baixo) e Renato Zaca (bateria) carimbaram seus passaportes pela primeira vez. O quarteto embarcou no dia 19 de setembro para sua primeira turnê europeia. Foram ao todo oito shows por três países: República Tcheca, Polônia e Eslováquia.

A “Rock Errado European Tour” foi financiada pelo "Programa Música Minas", iniciativa do Governo do Estado de Minas Gerais, por intermédio da Secretaria de Estado de Cultura, que visa apoiar a cadeia criativa e produtiva da música mineira. O projeto de turnê do grupo foi um dos 12 selecionados entre as 51 propostas inscritas para a terceira chamada anual do edital e recebeu apoio financeiro para sua realização.

Carniça: confira mais uma música do novo álbum antes do show de lançamento

Próximo do show de lançamento de seu novo álbum a CARNIÇA trouxe aos fãs uma das composições que figuram no trabalho autointitulado, “Revolução Farroupilha”, primeira faixa da banda cantada em português nesses mais de vinte anos de história.

Revolução Farroupilha” conta os grandes momentos dessa guerra icônica do Rio Grande do Sul, aliando Heavy Metal com elementos regionais que deixaram a música em si bem peculiar e um dos grandes destaques do trabalho.

Confira agora mesmo:



Confirme sua presença no show de lançamento que acontece nessa sexta (20/10):


Lembrando que os 50 primeiros ganham um CD, não perde essa e apoie sua cena!

 Links Relacionados:


quarta-feira, 25 de outubro de 2017

Sandersom Rock Festival: Nota de adiamento do Festival


Segue abaixo a Nota de Esclarecimento do Sanderson Lima, Produtor do evento.

"NOTA DE ESCLARECIMENTO
Venho agradecer a todas as manifestações de apoio por parte do público e das bandas, pois esses são os motivos pelo qual existe o Sander SOM Rock Festival, até por que o alerta para o adiamento surgiu de músicos e de pessoas que compraram e que intencionam comprar os ingressos para o EVENTO, optamos por mudar a data por entender que seria impossível arriscar concorrer com uma sonorização de outro evento no mesmo dia e hora do nosso, isso sim seria terrível. Sabemos que uma mudança assusta, causa inseguranças, mas foi adiado sim para o dia 2 de dezembro no mesmo local e hora, em respeito aos MÚSICOS e principalmente ao nosso publico, aquele que de alguma forma não possa comparecer na nova data poderá solicitar o reembolso do ingresso através do número 99924 1079 WHATSAPP."

Bull Control: videoclipe de "Mundo Paralelo" é lançado

Foi em 2015 que o Ceará ganhou mais uma banda de Hardcore. o Bull Control chegou com sede de colocar o dedo na ferida, mostrar as mazelas da nossa sociedade podre e que cada vez fica mais longe de ser mais humana.

O Bull Control que teve algumas saídas e entradas de integrantes nunca se entregou as dificuldades do cenário independente e hoje, se consolida com uma formação veterana e com sangue nos olhos por Hardcore.

Em maio deste ano, o Bull Control lançou seu primeiro EP intitulado "Mundo Paralelo" o título que também leva a música desse videoclipe. O EP "Mundo Paralelo" surgiu da necessidade da banda apresentar ao mundo sua forma de expressar a arte. Toda a arrecadação de fundos aconteceu da correria diária da banda com vendas de merchandising e a colaboração dos amigos próximos que acreditam no sonho dos músicos. O tema das composições são sobre a procura de um novo mundo, que ele seja sem fome, sem miséria e em igualdade a todos, sem divisões sociais e com todos com um sorriso no rosto vivendo em harmonia. 

KandoveR: banda de Hardcore piauense é agora assessorada pel'O SubSolo

A assessoria d'O SubSolo começa a colher frutos de um trabalho humilde, simples e objetivo, assim como suas coletâneas e outros projetos futuros, O SubSolo pensa totalmente em ajudar as bandas, sempre colocando a banda em primeiro lugar, como por exemplo as coletâneas que de forma alguma são colaborativas, com os valores do trabalho apenas para impressão do material + envio dos fretes.

A nova banda do cast de assessoria d'O SubSolo (que jamais cobrará para posta em seu site, apenas um trabalho apar ao colaborativo, que mantém as despesas em dia), é o KandoveR, uma banda de Hardcore de Teresina/PI que está para lançar seu primeiro disco ainda esse ano.


Sobre o KandoveR:

Em meados de 2008, alguns amigos resolvem unir influências de guitarras sujas e distorções como Raimundos, Ramones, Ratos de Porão e Matanza para criar uma banda para animar os domingos tediosos. Em 2011, com a saída do vocalista Jairo, a banda se consolidava com o guitarrista Fiel assumindo os vocais, Amilton na bateria, Diego nas guitarras e Jardel no baixo. A banda seguiu basicamente trabalhando em suas composições fazendo uma ou outra apresentação.

No final do ano de 2015, mais precisamente em Dezembro, a banda passou por algo que nunca imaginaria, sendo um acontecimento que não deseja a nenhum outro grupo de músicos. O até então baterista Amilton falece em decorrência de complicações cirúrgicas após um acidente automobilístico. Antes de falecer, o mesmo se preocupava com a banda e pediu para ser substituído para os trabalhos não pararem, foi assim que Dodô assumiu as baquetas da banda, e ficando definitivamente após essa tragédia. Em 2016, Jairo volta ao Piauí e retoma os vocais da banda, já em 2017, após várias apresentações pelo estado piauense, o grupo finalizou as gravações de seu novo trabalho, chamado "O Povo". 


O som apresentado pela banda é basicamente Hardcore, mas sempre aberto às influências distintas de cada integrante. Se você procura um som que ao mesmo tempo protesta contra os problemas sociais, que te faz rir dos causos engraçados e aquele melodrama romântico com guitarras pesadas, a KandoveR certamente cumprirá o papel de divertir.

Recentemente o grupo lançou um lyric vídeo em homenagem ao saudoso Amilton, seu antigo baterista. Assista:

Links relacionados:

Fonte: O Subsolo

Morcrof lança seu primeiro DVD “ANIMO SIGNVS AETERNO”.

Morcrof, uma das principais bandas de metal extremo do País, lança oficialmente seu primeiro DVD, intitulado “ANIMO SIGNVS AETERNO”.

“ANIMO SIGNVS AETERNO” apresenta dois concertos, ambos realizados no antigo Arena Metal Bar em Osasco/SP. O primeiro trata-se do concerto de abertura para o Rotting Christ em sua segunda passagem pelo Brasil; o segundo gravado do Maléfic Cold Weather Underground Fest 6 que, na ocasião, também contou com banda estrangeira. O DVD marca uma época em que a Morcrof se apresentou como quarteto composto por Paullus Moura (Contra baixo/ Vocal), R'Bressan (Guitarra), Pétros Nilo (Guitarra), Feralis (Bateria) e divulgava o álbum Machshevet Habriá (Myths and Conjectures of Creation).

Atualmente, a banda é formada por Eziel Kantele-Väinö (Vocal), Bruno Brahmss Kermanns (Teclado), R'Bressan (Guitarra), Cleber Juca Borges (Guitarra), Paullus Moura (Contra baixo/ Vocal) e R'Herton (Bateria).

O DVD está disponível para aquisição, basta entrar em contato com a banda via Facebook ou através do e-mail morcrof@hotmail.com.

Concert 1:
1. Eternal Agony From Vacuum Spirit
2. Ad Infinitum (Awakening Etheric Archetype Of Being)
3. Proliferous Equilibrium Of Fohat
4. Contraction And Dilation Of The Cosmic Splenium
5. Nahahs And The Black Sun At South

Concert 2:
1. Eternal Agony From Vacuum Spirit
2. Ad Infinitum (Awakening Etheric Archetype Of Being)
3. Proliferous Equilibrium Of Fohat
4. The Judgement Of Demigod (pt.2)
5. The Judgement Of Demigod (pt.3)
6. The Forest Of N´Gai (Rotting Chrost cover)
7. Nahahs And The Black Sun At South


Links relacionados:


Fonte: Cangaço Rock Comunicações